Todo mundo gosta de um dinheiro extra no final do mês, certo? Para muitos, investimentos são a melhor forma de conseguir uma renda extra para alcançar sonhos, mas nem todo mundo gosta de correr os riscos que muitas vezes isso envolve. Para isso existem os investimentos seguros, aquelas que agradam os investidores de perfil mais conservador pois a possibilidade de prejuízos é menor ou nula.

Se você está pensando em investir mas não está disposto a se aventurar em aplicações mais ousadas, confira neste artigo alguns investimentos seguros e veja como fazer seu dinheiro render sem correr riscos e, ao final, veja algumas dicas que vão te ajudar a ter mais sucesso nos seus investimentos.

Investimentos de renda fixa x renda variável

O mercado financeiro é cheio de possibilidades para quem quer começar a investir. São muitas as formas de aplicar seu dinheiro e ter lucro em cima disso e a maior prova disso é a quantidade de investimentos diferentes de renda fixa ou de renda variável. Antes de entrarmos nos exemplos de investimentos seguros, é importante entender a distinção entre os dois.

Renda fixa

Os investimentos, quando são chamados de renda fixa, representam aplicações nas quais o investidor sabe exatamente quanto dinheiro irá receber de lucro e em quanto tempo. Ou seja, antes de aplicar em um investimento de renda fixa, se você souber as regras de rendimento, tempo de resgate e demais características dele, saberá quanto o seu dinheiro irá render. Elas são aplicações previsíveis e, por isso, permitem que o investidor consiga se planejar muito melhor em relação aos rendimentos provenientes delas.

Normalmente, investimentos de renda fixa rendem um pouco menos que os de renda variável, porém, é exatamente a segurança deles que atrai tantos investidores, principalmente iniciantes.

Renda variável

Os investimentos de renda variável são exatamente o contrário. Nesse caso, não é possível saber quanto de lucro você terá ao final da aplicação, pois eles são imprevisíveis e, em alguns casos, bastante voláteis. Esse tipo de investimento apresenta um risco de prejuízo para os investidores, porém, é exatamente essa oscilação que faz com que a renda variável tenha um potencial de lucro maior também. 

Alguns exemplos de investimento de renda variável são

  • Mercado de ações (Bolsa de valores);
  • Câmbio entre moedas;
  • Fundos imobiliários;
  • Fundos multimercados.

Porém, se estamos falando de investimentos seguros, vamos focar então nos investimentos de renda fixa, afinal, a segurança deles é a característica mais atraente desse tipo de aplicação.

Perfil de investidor para cada tipo de investimento

Quando falamos do mercado financeiro, não há como dizer qual investimento é melhor e qual é pior. Não existe resposta certa, mas sim, aquela que é mais adequada para cada perfil de investidor, cada objetivo e, claro, a quantia que cada um tem disponível para investir.

Para te ajudar, temos inclusive um material que conta mais sobre os melhores investimentos para cada objetivo de vida. Vale conferir!

investimentos para cada objetivo de vida

No caso dos investimentos seguros, eles são os mais indicados para investidores iniciantes e/ou aqueles que não estão dispostos a correr muitos riscos de ter prejuízo. Por isso, antes de começar a investir, é importante saber exatamente quanto você tem disponível para seus investimentos, quanto tempo você está disposto a esperar pelos rendimentos e, claro, quanto risco você está disposto a correr.

Se você está procurando investimentos seguros, confira essa lista de algumas opções diferentes que você pode escolher.

Investimentos seguros

Muita gente, quando pensa em investimentos seguros, lembra somente da poupança. Isso faz sentido quando pensamos que as poupanças, assim como o nome sugere, são a forma mais comum de poupar dinheiro sem correr riscos e, ainda por cima, ter um pouco de lucro em cima dos rendimentos. Porém, o que muita gente ainda não sabe é que existem diversos investimentos seguros e que fazem com que seu dinheiro renda bem mais do que a poupança e é exatamente essa falta de conhecimento que faz com que as pessoas ainda deixem seu dinheiro na caderneta. 

Para te dar mais opções de investimentos seguros – e muitos para além da poupança -, confira alguns na lista a seguir.

Mas claro, importante sempre ter em mente que não existem investimentos 100% sem riscos, porém, é possível escolher investimentos de baixo ou baixíssimo risco, e são esses que vamos chamar de investimentos seguros.

Poupança

Não dá pra falar em investimentos seguros sem mencionar a poupança, talvez a aplicação mais famosa no Brasil hoje em dia. A poupança – ainda com seus riscos, como a falência da instituição bancária – é um dos investimentos mais seguros que existe e, quando unimos isso ao fato de que muitas vezes as informações sobre os investimentos são escassas, a poupança faz muito sucesso.

Colocar o dinheiro na poupança é, muitas vezes, o primeiro contato das pessoas com o mundo dos investimentos e rendimentos em cima de quantias investidas. Curiosamente, nem todo mundo sabe que ‘guardar dinheiro na poupança’ é uma forma de investimento. Atualmente, a poupança rende 4,2% ao ano, por isso, muitas pessoas procuram outros investimentos que sejam seguros, porém, rendam um pouco mais do que isso.

CDB

CDB significa Certificado de Depósito Bancário e é uma das alternativas mais populares à poupança. Resumidamente, investir em CDB significa que você está emprestando uma quantia para o banco que, por sua vez, te “paga” com juros. Esses juros são o rendimento dos seus investimentos.

O rendimento depende da taxa Selic e você pode aprender sobre ela neste nosso artigo clicando aqui.

O CDB é seguro pois é protegido pelo FGC, ou seja, toda aplicação até R$250 mil é protegida em caso de calote ou falência do banco. Essa proteção vale por cpf, então, se você for investir mais do que isso, é preciso investir em bancos diferentes para aproveitar da proteção.

Tesouro Selic

Talvez seja o investimento mais seguro da nossa lista, pois é emitido pelo governo federal. Essa característica faz com que a possibilidade de calote por parte das instituições financeiras sejam bem menores.

Os rendimentos do Tesouro são atrelados à taxa Selic e, por isso, rendem mais do que a poupança. Por isso, ele também é uma excelente alternativa à poupança e, muitas vezes, é o próximo passo para investidores menos experientes.

Uma dica importante para quem quer investir no Tesouro é procurar por corretoras que tenham taxas de custódia mais baixas – ou até sejam isentas desse tipo de cobrança.

COE

O COE é interessante pois, de certa maneira, une características de renda fixa com as de renda variável. A sigla significa Certificado de Operações Estruturadas e essa aplicação ainda é pouco difundida no país.

O COE funciona da seguinte maneira: você aplica uma quantia por meio de uma instituição financeira e essa, por sua vez, investe a maior parte dessa quantia em aplicações de renda fixa e uma parte menor em investimento de alto risco – e alto rendimento.

A grande vantagem do COE é a garantia contra perdas. Caso os investimentos deem certo, você recebe os lucros, mas, caso dê errado, há a garantia de receber o dinheiro de volta. Essa mesclagem é interessante pois, por mais que seja um investimento seguro, ainda há possibilidade de grandes lucros.

Dicas para começar a investir com sucesso e segurança

Agora que você conhece alguns investimentos seguros, já pode começar a planejar os seus investimentos e se aprofundar mais no mercado. Veja algumas dicas para investir com segurança e sucesso!

Faça um plano de investimento

O primeiro passo para o sucesso de qualquer ação é ter um bom planejamento. No caso dos investimentos, é essencial que você faça um plano de investimento. Nesse documento você irá colocar seus objetivos, entender seu perfil de investidor e, aos poucos, traçar os melhores caminhos para você alcançar suas metas.

Ao colocar as informações no papel e montar o plano, você fica mais ciente dos investimentos que está prestes a fazer e evita cair em erros comuns de principiantes que buscam investimentos seguros.

Para fazer o plano de investimento você precisará ter uma noção das suas finanças no momento, ter claro quais são seus objetivos, criar um cronograma para eles e, claro, constantemente avaliar e reavaliar sua estratégia para saber o que funciona e o que não funciona para você.

O plano de investimento é essencial para qualquer investidor, novato ou experiente.

Estude!

Infelizmente, o Brasil é um país com pouca informação sobre investimentos na educação básica. Quem deseja investir deve, de forma individual, correr atrás das informações. Por isso, uma outra dica para você ter sucesso nos seus investimentos é: Estude! Não tenha medo de começar a ler sobre o assunto e se aprofundar no mundo dos investimentos. 

Muitas pessoas acabam desistindo dos investimentos por conta dos termos, siglas e outras questões que podem ser complicadas, mas não se assuste, com um pouco de paciência, estudo e dedicação você conseguirá ter sucesso nos investimentos.

Se quiser se aprofundar nos estudos sobre o mercado financeiro, pode conferir aqui nossa lista dos melhores livros para investidores.

E aí, já está pronto para dar um passo além e investir em novos investimentos seguros? Se você quiser começar a estudar mais sobre o mercado financeiro, pode conferir este glossário com os termos mais comuns e importantes do mundo dos investimentos.

glossario do mercado financeiro

Publicações relacionadas