Os bancos escondem vários segredos de seus correntistas na hora de investir, muitas vezes, para conseguir bater metas e fazer com que mais clientes invistam. 

Ter uma conta corrente em determinada instituição bancária pode ser bastante positivo, mas o cuidado deve ser redobrado quando o assunto for investir o seu dinheiro nessas instituições. 

Por isso, preparamos este artigo especial para te mostrar os segredos dos bancos e o que eles não te contam na hora de investir. O material completo sobre o assunto você pode ler gratuitamente clicando aqui ou na imagem abaixo.

segredos dos bancos

A poupança não é o único investimento seguro

Existem muitos outros investimentos que são bastante seguros e muito mais rentáveis do que a poupança. Na verdade, o local menos rentável que você pode deixar o seu dinheiro é lá. 

A poupança possui a mesma garantia que outros investimentos, como é o caso dos populares CDB (Certificado de Depósito Bancário) e LCI (Letra de Crédito Imobiliário). Todos eles têm a mesma segurança, pois são garantidos pelo FGC (Fundo Garantidor de Crédito).

Isso quer dizer que se o seu investimento for de até 250 mil reais, seja na poupança, CDB ou FGC, o Fundo Garantidor de Crédito vai garantir que você conseguirá receber de volta o valor investido. A segurança é a mesma, mas a rentabilidade é menor, por isso compensa investir em outros fundos.

Muitas vezes, inclusive, ao deixar seus rendimentos na poupança você pode estar perdendo dinheiro. Isso porque em alguns momentos a poupança rende abaixo da inflação e, apesar de você estar vendo a quantia aplicada aumentar, ela está perdendo valor no mercado e isso é ruim para você.

Título de capitalização não é investimento

O banco te disse que ao investir o seu dinheiro em Títulos de Capitalização você vai conseguir ganhar um capital bastante significativo em relação ao que você investiu? Tenha cuidado! A realidade é que o seu dinheiro ficará preso por anos e a rentabilidade com que ele voltará para você é extremamente baixa, inclusive podendo ser menor do que a própria poupança.

Do valor que é pago mensalmente, apenas uma parte dele realmente significa um investimento, sabe por que? Porque a mensalidade é dividida em três partes: 

  1. a parcela de capitalização, que é o dinheiro que recebe uma remuneração;
  2. a parte destinada ao sorteio;
  3. a parte que cobre custos administrativos da instituição financeira.

Além do mais, os prazos desses títulos costumam ser bastante grandes e a liquidez é extremamente baixa. Ou seja: se você optar por resgatar o dinheiro antes, pode acabar literalmente perdendo boa parte dele.

Por isso, investir em um Título de Capitalização tem bastante desvantagens quando comparado a outros fundos de investimentos, uma vez que no final do tempo de aplicação, o valor que você acumulará em um outro fundo será maior do que o acumulado em um título.

As taxas cobradas por bancos estão entre as mais altas

As taxas variam a depender do investimento escolhido, o ponto é que outros fundos, praticamente iguais aos que o banco vai te oferecer, estão disponíveis em outras plataformas de investimento com taxas muito mais baixas. Com isso, dependendo do tempo que o seu dinheiro ficará aplicado, as perdas podem ser de milhares de reais. 

Quer fugir das taxas bancárias? Procure instituições com taxas menores. Muitas vezes pode compensar pagar as taxas de manutenção de conta e investir em outros fundos do que ser isentado das taxas de seu banco atual com a obrigatoriedade de investir em aplicações que não serão vantajosas para você. 

Além disso, outra possibilidade é procurar instituições digitais, que não cobram taxas para movimentação de conta corrente nem anuidade para cartão de crédito. Assim sobra mais dinheiro para você investir nos fundos certos!

Convencido de que o banco não é a melhor opção para seus investimentos?

Agora que você já sabe os artifícios que os bancos usam para tirar vantagem do seu dinheiro e te fazer trabalhar com retornos menores, é hora de começar a buscar outras formas de investir.

O investimento ideal vai depender do seu perfil de investidor e do seu objetivo, mas tenha em mente que você deve procurar investimentos que sejam transparentes e rentáveis, sem esconder taxas e burocracias. 

Existem várias opções de investimentos no mercado, que podem ser concretizados de forma bastante facilitada, principalmente pelo meio virtual. Se você deseja investir com comodidade e fugir das altas taxas cobradas pelas instituições bancárias, opte pelas plataformas online de investimento. Em muitas delas é possível calcular o valor que você deve investir mensalmente para alcançar o seu objetivo em um tempo pré-determinado. Escolha o investimento que mais combina com você, assine o contrato online e comece rapidamente a investir.

A INCO é uma dessas plataformas que, por meio do crowdfunding de investimentos, vem transformando a maneira como as pessoas aplicam seu dinheiro no Brasil. Conheça mais sobre nosso modelo de negócio, saiba como é possível investir a partir de R$1000 e comece já!

como investir 1000 reais

Publicações relacionadas